21 Agosto 2006

Revelações










O futebol está de volta, os principais campeonatos dão o pontapé de saída e a verdade é que novas estrelas começam já a despontar.
Escrevo este post, com o intuito de “dar a conhecer” 2 jogadores que começam a dar passos firmes no Futebol Profissional, e rumo a uma carreira sem limites.



Rio Mavuba
Posição: Médio posicional
Clube: Bordéus
Nacionalidade: Francesa (nasceu em Angola)
Idade: 22 anos
Altura: 1m71cm
Peso: 64kg


Para aqueles que foram seguidores do Euro Sub21 em Portugal, este nome não é desconhecido.
Mavuba liderou a França na competição Sub21 de 2006, num Europeu que parecia destinado á glória e que acabou numa grande desilusão. No entanto, vários jogadores da selecção Francesa deixaram um excelente cartão de visita, e aquele que ,na minha opinião, mais se destacou é este médio do Bordéus.
Mavuba joga no centro do meio campo, capaz de jogar como interior ou numa posição mais natural como trinco. Apesar de jovem é já titular indiscutível do Bordéus desde a época 2003/04, e desde então pegou de estaca e nunca mais largou a titularidade, assumindo-se como um jogador preponderante no ressurgimento do Bordéus na Liga Francesa. Não é um jogador com capacidade para fazer muitos golos, alias em termos de Liga Francesa só conseguiu apontar 1, no entanto, garante uma solidez defensiva fantástica, funcionando como um tampão defensivo no meio campo.
Como grandes características Mavuba apresenta um sentido posicional fora do comum, e tem uma disponibilidade física assombrosa.
Com a renovação da selecção ,finalista do Mundial 2006, operada por Domenech, Mavuba passou a integrar os trabalhos da selecção principal francesa, ao mesmo tempo que vai somando jogos como titular no início de temporada em França.
Estaremos perante um novo Makelélé?



Marcelo Júnior
Posição: Lateral esquerdo
Clube: Fluminense
Nacionalidade: Brasileira
Idade: 18 anos
Altura: 1m74cm
Peso: 73kg





Marcelo ou “Robertinho Carlos”. Este menino de 18 anos é a mais recente revelação do Campeonato Brasileiro, assumindo-se como o substituto natural de Roberto Carlos.
Este jovem, é um lateral esquerdo bem á imagem de Roberto Carlos, pois é extremamente ofensivo, veloz e capaz de desequilibrar na faixa esquerda.
Cruza e remata com grande facilidade, e demonstra toda a sua qualidade sobretudo num esquema de 3x5x2, embora também se integre num esquema mais clássico onde é capaz de fechar defensivamente com qualidade e sem sobressaltos.
É ,então, um jogador que gosta de sair de trás para desequilibrar mais á frente dando um dinamismo tremendo as alas. Leva 24 jogos e 5 golos no “Flu”, e é já uma presença nas convocatórias do novo seleccionador Carlos Dunga, na selecção do Brasil.


Em breve falarei de mais revelações...

2 comentários:

hoeman disse...

Ambos son muy buenos, y la verdad es que prometen mucho. Marcelo va a ser el lateral izquierdo brasileño por muchos años.

Both are very good, and they promise a lot. Marcelo is going to be the left back in Brasil for lot of years.

Saludos!

Bruno Ribeiro disse...

concordo com o que dizes sobre estes jogadores. O Mavuba pode fazer alguns golos, ele marca uma golo no europeu espectacular onde arranca de meio campo com a bola.
Em relação ao Marcelo certamente vingará devido ao seu potencial e desenvolvimento, no Brasil nascem laterais todos os dias é so potencia-los.
estes posts são sempre interessantes. continua